Esposende não é prioridade para limpeza florestal

0

Nenhuma das freguesias de Esposende está na lista das mais de mil com risco elevado de incêndio florestal em Portugal (ver aqui lista) e que são prioritárias para limpeza de combustível. Barcelos tem sete freguesias e Viana do Castelo onze.

O despacho assinado pelos secretários de Estado da Administração Interna, Patrícia Gaspar, e da Conservação da Natureza, das Florestas e do Ordenamento do Território, João Catarino, e publicado hoje em Diário da República, define também os prazos para a realização das ações de fiscalização que devem incidir sobre as áreas prioritárias.

No total são 1.114 freguesias com risco elevado de incêndio e que são prioritárias para ações de limpeza, situando-se em 186 concelhos que estão essencialmente das regiões do interior Norte e Centro e Algarve.

Apesar de Esposende em 2019 ter sofrido vários incêndios, tendo estado mesmo entre os dias 25 e 29 de março com um incêndio que chegou a cortar a A28 e várias estradas nacionais (ver aqui), não tem áreas prioritárias, apesar de ter no território um Parque Natural e as zona do Castro de São Lourenço, Curvos, Palmeira de Faro e Rio Tinto com potencial risco.

Em Barcelos as freguesias de Aborim, Carapeços, Palme, Quintiães. Aguiar, Tamel (Santa Leocádia) e Vilar do Monte entrou no eixo prioritário de intervenção do Governo, assim como em Viana do Castelo as freguesias de Afife, Amonde, Areosa, Carreço, Freixieiro de Soutelo, Montaria, Outeiro, Perre, Nogueira, Meixedo e Vilar de Murteda.

O número de freguesias prioritárias para efeitos de fiscalização da gestão de combustível no âmbito da prevenção de incêndios rurais é idêntico a 2019, deixando de existir este ano os dois níveis de intervenção.

«Considerou-se adequado identificar apenas uma classe de prioridade, atualizando-se a informação de base territorial» e integrar «a circulação rodoviária em segurança em regiões afetadas por grandes incêndios», refere o despacho, que entra hoje em vigor.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui