Esposende: Fonte Boa e Rio Tinto? CDU diz que «continuam a não ter saneamento»

AvatarPedro Gomes , 10 de janeiro, 2022

Isabel Novais PCP 1

A CDU de Esposende tomou hoje uma posição pública em relação ao processo de posse do órgãos autárquicas na UF e Rio Tinto e Fonte Boa. Numa nota enviada a este jornal, os comunistas lembram que «as duas freguesias continuam a não ter saneamento» considerando a discussão em torno do processo «estéril».

«A expressão eleitoral obtida pelas forças políticas, neste caso o PSD, PS e CDS, e as leituras divergentes desses mesmos resultados, têm sido utilizados para uma discussão estéril, centrada unicamente na questão de poder e de distribuição de cargos, em prejuízo dos reais interesses das populações. Note-se, a título de exemplo, que quer a freguesia de Fonte Boa, quer a freguesia de Rio Tinto não têm saneamento público», afirmam.

A CDU esteve em contacto com a população de ambas freguesias e afirma que a «reorganização administrativas das freguesias, leia-se extinção das freguesias, não iria resolver qualquer problema sentido pelas freguesias».

«Pelo contrário, iria acarretar problemas acrescidos. A situação de impasse da constituição do executivo da união das freguesias de Fonte Boa e Rio Tinto, é prova disso», destacam.

Os comunistas reafirmam «a sua disponibilidade para continuar a lutar em defesa dos interesses das populações do concelho, independentemente de ter ou não representação nos órgãos autárquicos».

«À CDU interessa a resolução dos problemas da população o que na situação concreta exige que se denuncie a necessidade urgente de se repor a normalidade democrática naquelas freguesias, se avance rapidamente na resposta às necessidades prioritárias, como a construção do saneamento, e se recuperem as freguesias extintas», vaticinam.


Também pode gostar