Autarquias: CNE diz que há mais uma junta constituída de forma ilegal em Esposende

AvatarFilipe Oitavem, 19 de março, 2022

Gemeses

A Comissão Nacional de Eleições (CNE) tornou público que as regras de constituição da junta de freguesia de Gemeses, em Esposende, e que não foram cumpridas. Esta não é a primeira junta em Esposende que tem esta "sentença", pois a de Fonte Boa e Rio Tinto também está ilegal.

A nota foi dada a conhecer pelo PS de Esposende, que tem feito várias queixas e que têm sido deferidas pelas entidades competentes.

«O PS tinha advertido em publicação no Facebook do passado dia 3 de janeiro de 2022, que a Junta de Freguesia de Gemeses está numa situação ilegal desde 4 de novembro de 2021. A Comissão Nacional de Eleições veio expressamente dar-nos razão». lê-se na nota publicada nas redes sociais.

.«Embora contra as vontades do presidente da Junta, e do presidente da Câmara, a Lei da República Portuguesa também se aplica em Gemeses. O PS Esposende continuará a cumprir o compromisso assumido com os seus eleitores», afirmam os socialistas.

Na nota da CNE, que publicamos em baixo, é possível perceber um conjunto de artigos para o processo ter sido legal, algo que o PS reclama que não foi.


Também pode gostar