Jovens de Barcelos e Braga juntaram-se para fazer viseiras e precisam de ajuda

AvatarFrancisco Xavier, 29 de março, 2020

91268828 2977173805675095 8816189569322975232 o

Um grupo de jovens "fazedores" de Barcelos e Braga juntou-se para ajudar os profissionais de saúde através do fornecimento de viseiras. As solicitações são tantas que o material escassa.

«Tudo começou porque um enfermeiro do Hospital de Barcelos, pediu ajuda a uns amigos que tinham impressoras 3D para saber se conseguiam fazer máscaras de proteção, então foi partilhado no facebook e cerca de 12 jovens de Barcelos e Braga e com idades a rondar os 20 e 30 anos aderiram de imediato ao apelo e começaram a imprimir as viseiras», começam por explicar Rui Lopes e Edgar Santos, que coordenam a logística.

Estes dois jovens frisam que os enfermeiros «têm constantemente dado um feedback sobre as viseiras que recebem de forma a chegar a uma solução que possa ser o maior reutilizável possível».

Neste momento já foram entregues viseiras a várias instituições, como os hospitais de Barcelos e Braga, IPSS´s, unidade de cuidados continuados de Barcelos, centros de saúde e bombeiros. Quem quiser ajudar pode entra em contacto pelos links: https://www.facebook.com/edgar.santos.988711 ou aqui https://www.facebook.com/feeltheart.pt/.

«São imensos os pedidos que noz tem chegado e para isso temos tido algumas ajudas das quais Jora Carcil, Nevacril, Feel the art, Staples, e muitas pessoas a título individual. Mas contamos que outras empresas nos possam ajudar, porque nesta altura toda ajuda é pouca, neste momento precisamos de acetatos ou material resistente e transparente (petg,policarbonato), filamento para impressora 3D (Petg ou Pla), acrílico (versão feita em Cnc laser) e elásticos», referem Egar Santos e Rui Lopes.

Recorde-se que em Barcelos o número de infetados ascende aos 33 (ver aqui), Esposende com 8 (ver aqui) casos, Viana do Castelo 33 (ver aqui) e Braga com 208 casos (ver aqui).


Também pode gostar