▶️Co-gestão assinada e 900 mil euros a caminho do PNPL

AvatarNuno Cerqueira, 3 de setembro, 2020

CME protocolo NC 67

O secretário de Estado da Conservação da Natureza, das Florestas e do Ordenamento do Território, João Catarino, disse hoje, em Esposende, que o Governo pretende atribuir 900 mil euros ao Parque Natural do Litoral Norte (PNLN) para o desenvolvimento do seu plano de investimentos no âmbito da co-gestão.

«É nossa intenção, com um projeto piloto, até ao final do ano aprovar 900 mil euros para investimento nesta área protegida, nomeadamente na melhoria da visitação, investimentos em limpeza, valorização de recursos ambientais protegidos», revelou o governante, depois de ter presidido à formalização do protocolo de adesão da Câmara de Esposende ao modelo de cogestão daquela área protegida, que passa a ser partilhada com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF).

 

Para já, e como adiantou este jornal, a entrada da autarquia esposendense é acompanhada de um envelope financeiro no valor de 100 mil euros por três anos de forma a dotar a Câmara de Esposende de capacidade técnica.

Também pode gostar