Funeral em Barcelos pode estar a gerar cadeia de transmissão Covid-19

AvatarRedação , 27 de março, 2020

galegos

A paróquia de Galegos Santa Maria, em Barcelos, está a alertar a comunidade local para casos associados «a uma cerimónia fúnebre decorrida nos dias 8 e 9 de março» e poderá estar a gerar uma rede de contágio Covid-19.

Segundo uma nota publicada na página desta paróquia, e que é assinada pelo delegado de saúde coordenador dos ACES Càvado III BArcelos / Esposende, Aristides Sousa, cerca de 300 pessoas terão marcado presença nas cerimónias fúnebre onde uma pessoa, mais tarde, acabou por acusar o novo coronavírus.

«Surgiram alguns casos confirmados de Covid-19. Da investigação efetuada, tudo indica que estes casos resultaram da exposição a pelo menos uma pessoa que esteve na mesma cerimónia, com sintomas de Covid-19, mas que só teve a confirmação da doença mais tarde. Esta pessoa pode ainda ter contagiado outras pessoas que não conhecemos», lê-se.

A paróquia acaba por pedir às pessoas que marcaram presença no funeral para «estarem atentos», em especial «aos que residem nas Freguesias de Tamel (São Veríssimo), Galegos (Santa Maria), Galegos (São Martinho) e Manhente, no concelho de Barcelos».

«Caso alguém tenha desenvolvido um quadro respiratório agudo de tosse (persistente ou agravamento de tosse habitual), ou febre (temperatura ≥ 37.5ºC), ou dispneia/dificuldade respiratória, que ligue para a Linha SNS24 (808 24 24 24), uma vez que podem ser casos de Covid-19 e necessitam de avaliação e acompanhamento», refere a nota publicada nas redes sociais.

 


Também pode gostar