Esposende: 13 percursos pedestres sinalizados ao longo de 140 quilómetros

AvatarRedação , 6 de dezembro, 2021

1 1

São 13 percursos 'oferecidos' naquela que é uma forte componente ambiental. O desafio estende-se por mais de 140 quilómetros em percursos pelas margens do Atlântico, dos rios Neiva e Cávado, ou pela arriba fóssil, em trilhos bordejados de património natural, com miradouros que propiciam inspiração e captação de instantâneos, entre faróis, moinhos de vento ou povoados pré romanos.

Os 13 percursos estão sinalizados, propiciando o conhecimento dos patrimónios que formam este território. Patrimónios naturais e edificados, desde os povoados castrejos até às intervenções de arte urbana que complementam o percurso cultural de Esposende.

Desde os miradouros naturais, no cimo dos montes, avistam-se vales e quintas de intensa produção agrícola, cursos de água e trilhos que, por esta altura do ano, com a queda da folha, apresentam uma paleta de tons diversos de amarelo e vermelho e transformam o chão num tapete que apetece calcorrear. Pelo território estão disseminados vários 14 postos de observação e miradouros, locais aprazíveis que permitem observar mais de uma centena de aves que escolhem os estuários do Cávado e do Neiva para hibernar, durante as migrações.

A natureza impera, mas há marcas que o homem deixou desde a pré-história, como os dolmens e menires – mais de três dezenas em Esposende, sobretudo no planalto de Vila Chã -, povoados pré-romanos ou castros que esclarecem modos de vida das primeiras comunidades sedentárias, vestígios medievais e navios naufragados. Toda a História está em Esposende e, das fases mais recentes, encontramos edifícios de todas as épocas e estilos e obras de arte urbana que apontam a modernidade.

Restos de uma ruralidade ancestral encontram-se em moinhos e azenhas, outrora ao serviço da moagem do milho, numa sustentabilidade que ainda se observa nos recursos marinhos, do pilado e do sargaço, que removem das praias e fertilizam os campos em masseira, numa forma de agricultura única no mundo.

Os percursos são uma forma de animação para complementar as ofertas turísticas já existentes no concelho, onde predomina a vertente sol-praia, enquadrando-se estrategicamente num dos produtos turísticos de aposta para Esposende no Turismo de Natureza.

 


Também pode gostar