Esposende: Manuel Pereira aponta degradação da saúde, atropelos no sistema dunar e o eterno problema da barra

AvatarFrancisco Xavier, 22 de dezembro, 2021

Captura de ecra 2021 12 22 as 18.43.43

José Maria Costa e Alexandra Vieira estiveram hoje em Esposende para apresentar a lista de candidatos do Bloco de Esquerda à Assembleia da República, onde consta o esposendense Manuel Pereira que vai em 15º lugar.

Aliás, o Bloco, e olhando às muitos problemas de Esposende, aponta como prioridades de intervenção, no sentido de levar os temas à AR, três eixos: saúde, barra e erosão costeira.

 

Neste sentido, Manuel Pereira afirmou mesmo que «é necessário investimento público na área da saúde, concretamente na defesa do novo hospital de Barcelos/Esposende e a criação de Centros de Saúde e Unidades de Saúde Familiares de cobertura efetiva de todo o concelho», lembrando que a unidade de saúde de Belinho «inexplicavelmente se encontra encerrada há cerca de dois anos».

Manuel Pereira considerou ainda premente que o Programa de Apoio à Redução Tarifária (PART) seja reforçado na próxima legislatura «servindo de facto as populações das áreas com menos densidade populacional, alargando a quantidade e qualidade dos serviços de forma a que os horários sejam adequados aos esposendenses», referiu.

O candidato destacou ainda a necessidade de reforço do parque público de habitação, combatendo a especulação imobiliária e garantindo a fixação da população no concelho.

Aliás, o Bloco de Esquerda, que tem atualmente dois deputados, quer manter-se como terceira força política no parlamento para continuar a pressionar o governo a arranjar soluções para Esposende no que diz respeito à Barra e acabar com os atropelos nas dunas.

«Medidas que contribuam decisivamente para o combate às alterações climáticas, sendo que Esposende poderá ser um dos concelhos mais afetados devido à hipotética subida do nível do mar. Dai que a intervenção do Bloco sobre os atropelos e os atentados cometidos na linha de costa, como ainda hoje ocorrem com construções em plenas dunas primárias, tenha sido muito incisiva e assim continuar a ser. Um outro problema abordado nesta conferência foi a Barra de Esposende e a necessidade de intervenção com dragagens à muito prometidas e assumidas por diferentes ministros», afirmou José Maria Costa, cabeça de lista do Bloco de Esquerda

Além disso, José Maria Cardoso assinalou que o Bloco «é a esquerda que elege no distrito e que pode contribuir decisivamente para uma não maioria absoluta do PS e é um voto de confiança no acérrimo combate à extrema-direita pela política antidemocrática e reacionária que preconiza, assim como a não aceitação da cultura discriminatória e de ódio que apregoa», disse.

José Maria Cardoso sublinhou a importância do trabalho «com direitos», nomeadamente dos «salários justos e do combate à precariedade, enquanto forma de assegurar melhores condições de vida para a população e como garante de maior estabilidade e segurança, face à crise económica e social que estamos a atravessar».

 


Também pode gostar