Hospital de campanha e 7 espaços de retaguarda em Barcelos

AvatarRedação , 5 de abril, 2020

PAVILHAO BARCELOS

A Câmara de Barcelos criou uma série de espaços que vão ser retaguarda para cidadãos de quarentena ou infetados. Segundo o presidente da Câmara de Barcelos, Miguel Costa Gomes, esses locais já estão definidos. O Pavilhão Municipal de Barcelos, onde joga o Óquei de Barcelos, está mesmo na linha de vir a ser hospital de campanha face à sua localização, mesmo ao lado do Hospital de Barcelos, sendo que a infraestrutura já está sob alçada da administração daquela unidade de saúde pública.

«São locais que foram desinfectadas ou estão sê-lo e devidamente preparadas, para acolher cidadãos em quarentena ou infetados», referiu o edil.

«Tivemos uma reunião da Proteção Civil concelhia com os responsáveis do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Cávado III, os bombeiros, CVP, a delegada de saúde, o hospital e a Segurança Social para definir estas infra-estruturas de retaguarda para nos preparar para o pior», destaca Miguel Costa Gomes.

Segundo o autarca há neste momento algumas pequenas dificuldades logísticas, tais como o número de camas.

«Temos vários espaços dotados de beliches, mas com a necessidade de distanciamento social só podem ser utilizados por uma pessoa, mesmo assim teremos cerca de 120 camas disponíveis neste momento», apontou  Miguel Costa Gomes, alertando mesmo que «temos que nos preparar para o pior, porque infelizmente vai haver uma grande progressão da pandemia».

O Albergue de Peregrinos de Tamel S. Fins, Seminário da Silva, pavilhões em Campo e Adães, são alguns dos espaços preparados, assim como um espaço em Barcelinhos. Os Amigos da Montanha e o Espaço Jacobeo também já disponibilizaram locais para serem retaguarda. 

«Temos ainda o pavilhão de Areias de S. Vicente, mas está com alguns vidros partidos, e estamos a resolver essa situação para o preparar também para acolher pessoas», disse o edil de Barcelos.

 


Também pode gostar