Viana: Politécnico de Viana do Castelo dá o exemplo no combate ao plástico

AvatarRedação , 26 de novembro, 2021

DSC 0207

Com o projeto Refill H2O, lançado esta sexta-feira, o Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) deu mais um passo no “combate feroz” para reduzir o plástico de uso único. Este projeto possibilitou a distribuição de 10 mil garrafas reutilizáveis em todas as Escolas Superiores, Serviços de Ação Social e Serviços Centrais e disponibilizar nove estações de reenchimento a toda a comunidade académica. 

Carlos Rodrigues, presidente do IPVC, abordou o assunto e demonstrou toda a sua preocupação com a questão do plástico. 

«A problemática da sustentabilidade ambiental é uma preocupação nossa há muitos anos. Este projeto vai contribuir para a mudança de paradigma no uso de material reciclável”, referiu o Carlos Rodrigues.

Também o coordenador do projeto, António Curado, acredita que o Refill H2O é “mais uma pegada para a sustentabilidade".

“Esta é uma cerimónia singela, mas com um significado enorme dada a sua dimensão e necessidade global”, começou por assumir o presidente do Politécnico de Viana do Castelo. Hoje, na sessão de lançamento do Refill H2O, Carlos Rodrigues destacou o impacto indireto que o projeto vai ter, “contribuindo para a mudança de paradigma de uso de material reciclável”. Mas esta preocupação com a sustentabilidade ambiental no IPVC não é de agora. “Este projeto é um bom exemplo, mas não é o único. Temos há muitos anos a preocupação com a temática da sustentabilidade”, referiu o presidente, lembrando a colocação de luminárias nas escolas e nos serviços centrais, o investimento efetuado no conforto térmico e eficiência energética ou a colocação de painéis solares como alguns dos exemplos do trabalho que a instituição tem realizado neste âmbito.

Na sessão de lançamento, que decorreu hoje nos serviços centrais do Politécnico de Viana do Castelo, o coordenador do projeto, António Curado, assumiu que o Refill H2O “é mais uma pegada para a sustentabilidade ambiental”, esperando “ser exemplo” para outras academias. “Este é um projeto pioneiro na academia em Portugal, que pode ser replicado por outras instituições de ensino superior. “Temos que fazer um combate feroz para acabar com o plástico de uso único”, desafiou.

 


Também pode gostar