Gastos ocultos do teletrabalho: como poupar na fatura da luz quando está todo o dia em casa?

AvatarRedação , 22 de fevereiro, 2022

poupar luz

Os gastos ocultos do teletrabalho: como poupar na fatura da luz quando está todo o dia em casa?

Em muitas empresas o teletrabalho chegou para ficar e tornar-se numa nova modalidade. No entanto, estar mais tempo em casa, acarreta custos. Como optimizar os gastos quando o seu local de trabalho é a sua casa?

Há mais de um ano e meio, a pandemia do coronavírus mudou o dia a dia de muitos trabalhadores. Até então, muitas eram as empresas que não tinham a modalidade de teletrabalho, na sua forma de funcionamento. No entanto, a realidade mudou, e a grande maioria das empresas já permite o desempenho das funções, de forma remota, dos seus empregados.

O teletrabalho oferece muitos benefícios, pois não há nada melhor que fazê-lo no conforto do lar, no entanto, há um fator que pode tornar-se numa desvantagem: o aumento do consumo de energia elétrica.

O consumo de energia elétrica pode variar de acordo com vários fatores que se devem ter em conta: a estação do ano, dimensão da casa, número de pessoas que aí vivem e ainda o número de eletrodomésticos e dispositivos.

Estou em teletrabalho, como posso poupar energia?

Os hábitos para se reduzir o consumo de energia são muitos e nunca é demais aplicá-los. O importante é que haja consistência na sua aplicação. É importante recordar, que algumas formas de poupar luz podem parecer insignificantes, mas que ao fim do mês darão resultados.

Evite o stand by, aposte no isolamento e cuide dos sistemas de climatização

É importante verificar se os pequenos eletrodomésticos permanecem em standby, uma vez que este tipo de consumo representa 15% do custo da electricidade por cada agregado familiar. Por isso, desligar televisores e equipamentos com informações digitais(displays) quando não estiverem a ser usados, é fundamental. A esta sugestão vamos juntar outra: coloque o termostato do ar condicionado nos 24 graus no verão e nos 20 graus no inverno. É importante isolar corretamente todas as divisões da casa, e pelo menos a cada seis meses é imprescindível a limpeza dos filtros dos sistemas de climatização.

Lâmpadas LED, a chave

A redução do consumo de energia elétrica para iluminação oferece uma poupança significativa na fatura da luz. Para isso, a instalação de lâmpadas LED é essencial.

Um dos seus maiores benefícios, está o fator ecológico: possuem vida útil entre 20.000 e 50.000 horas, ao contrário das lâmpadas convencionais que duram até 2.000 horas. É importante manter as lâmpadas LED limpas, pois quando estão sujas ou em mau estado, perdem até 50% de seu brilho. E, sempre que possível, o uso de sensores de movimento ou temporizadores em espaços comuns também ajuda a poupar energia em casa.

Além disso, ao escolher o tipo de iluminação, não devemos deixar de analisar as necessidades de luz em cada uma das partes da casa, pois nem todos os espaços requerem a mesma iluminação, em termos de tempo e intensidade. Ou seja, fique atento à distribuição da iluminação, sempre com o objetivo de poupar no consumo energético.

Por outro lado, aproveitar as horas de luz natural para deixar as luzes apagadas o maior tempo possível não apenas tem impacto na conta de luz, como também na disposição e ânimo para trabalhar.

Mais conselhos

A redução do consumo de energia também passa por outros hábitos:

Computador

Desligue-o quando terminar de usar. O consumo no modo "Standby" equivale a até 70% do consumo quando ligado. Além disso, lembre-se de que, em média, um portátil usa cinco vezes menos eletricidade do que um desktop.

Frigorífico

Abra-o o menor número de vezes possível e certifique-se de deixá-lo bem fechado. Deve deixá-lo a pelo menos 15 cm de fontes de calor, paredes ou móveis.

Ferro de engomar

Tenha em mente que o ferro consome menos eletricidade quanto mais tempo se utiliza. É por isso que é aconselhável reunir a maior quantidade de roupa para passar. Se tem pouca roupa, avalie se vale a pena gastar tanta energia para tão poucas peças.

Comunicação de leituras e tarifas de energia

Se passa a maior parte do tempo em casa, verifique se a sua tarifa de energia está de acordo com as suas necessidades. Opte por uma tarifa simples de energia, se realizar as tarefas domésticas ao longo do dia, ou então por uma tarifa bi-horária se o maior consumo de energia se realizar à noite ou aos fins de semana.

Para maior controlo dos consumos, é importante que todos os meses comunique a sua leitura da luz à sua fornecedora de energia.


Também pode gostar