Aprovado projeto de execução do Parque da Cidade de Esposende

AvatarRedação , 25 de março, 2021

pc3

O Executivo Municipal aprovou, por unanimidade, na sua sessão de hoje, o projeto de execução do Parque da Cidade de Esposende. Seguem-se os processos de procura de financiamento e aquisição dos terrenos onde ficará instalado este equipamento.

Depois de ter sido submetido a Consulta Pública, o Projeto do Parque da Cidade de Esposende, intervenção de requalificação da parte sul da zona ribeirinha avança para fase decisiva de materialização.

«Foi presente ao Executivo Municipal, o processo composto por cinco extensos dossiês e um CD e que contempla as peças escritas e desenhadas, assim como toda a documentação referente ao projeto de execução. Este projeto permitirá dotar a frente do rio de uma imagem urbanisticamente mais harmoniosa e integrada, abrangendo 30 hectares, em ambas as margens do rio Cávado», afirma a autarquia em nota de imprensa.

O Parque da Cidade integrará percursos pedonais e cicláveis, em articulação com as Ecovias do Litoral Norte e do Cávado, terá espaços para eventos ao ar livre relacionados com o rio e a prática de desporto informal, postos de interpretação ambiental e pontos de observação de avifauna, sanitários públicos, equipamentos lúdicos e mobiliário urbano.

O presidente da Câmara de Esposende, Benjamim Pereira, está convicto que, em breve, haverá novidades sobre o arranque da primeira fase das obras, de um projeto que «será agregador das gentes do município».

O Parque da Cidade é um anseio antigo da população, em particular das gentes de Esposende, mas só em 2013 foi apresentado um estudo, resultante do Concurso Internacional de Ideias lançado para este mesmo local, mas que, por razões diversas, não teve seguimento.

No ano de 2016 arrancou a elaboração do projeto do Parque da Cidade, num percurso que conheceu muitas dificuldades junto das entidades licenciadoras.

«Só no final de 2020 foram reunidos todos os pareceres favoráveis para prosseguir com o projeto de execução. O Município de Esposende já está a estudar formas de financiamento e vai arrancar com a aquisição dos terrenos», lê-se no comunicado.

 


Também pode gostar