▶️ Barcelos: Nove dias de artesanato e cerâmica no Parque da Cidade

AvatarRedação , 2 de setembro, 2021

Bardelos artesanato 1 1024x564

A 38.ª Mostra de Artesanato e Cerâmica de Barcelos, que decorre de 10 a 19 de setembro, no Parque da Cidade, volta a alavancar o artesanato e os artesãos.

Num ano especial para o artesanato e para os artesãos de Barcelos, que viram registada a marca “Galo de Barcelos”, um dos maiores e mais significativos símbolos do país e da portugalidade, e também para a olaria e o figurado de Barcelos, que passaram a utilizar o registo de marca da União Europeia, este certame vem consolidar a aposta do Município no valor do artesanato barcelense.

vídeo:arquivo Nuno Cerqueira

Este evento, um dos mais antigos do país, conta com a presença dos mais importantes artesãos de cada setor do artesanato (figurado, olaria, cestaria e vime, ferro e derivados, madeira e bordados) e retrata toda a riqueza da arte e do trabalho tradicional.

Na edição deste ano, participam 122 artesãos, 91 dos quais de Barcelos, e o Município volta a apostar nas tradições do passado com os workshops diários onde se pode aprender as artes e ofícios, que passam pela tecelagem, olaria, figurado, bordados, cestaria, entre outras.

O evento permite aos visitantes o contacto com as artes tradicionais e o trabalho ao vivo e promove a riqueza da arte e do trabalho tradicional barcelense, o que reafirma a aposta do Município no apoio ao trabalho desenvolvido pelos artesãos.

Diariamente, haverá animação de rua e arruadas pelo recinto protagonizadas por grupos de folclore do concelho e animação circense, de forma itinerante.

A abertura está marcada para o dia 10 de setembro às 17h30. A Mostra Nacional de Artesanato e Cerâmica de Barcelos estará aberta de segunda a sexta-feira, das 17h30 às 22h30, e ao fim de semana, das 15h00 às 22h30.

O território de Barcelos é detentor de três produções certificadas, a olaria, o figurado e o bordado de crivo. Barcelos é cidade criativa da UNESCO, na categoria do Artesanato e Arte Popular, desde 2017; aderiu em 2019 à Creative Tourism Network, uma rede internacional que desenvolve a sua atividade na área do turismo criativo, o que lhe permitiu a certificação como Creative Friendly Destination; ainda, em 2019, recebeu o Prémio Europeu de Destino de Turismo Cultural Sustentável promovido pela ECTN – European Cultural Tourism Network.

 


Também pode gostar