Barcelos: PSD conquista Câmara e presidente eleito prioriza "problema da água"

AvatarRedação , 27 de setembro, 2021

constantino

O PSD conseguiu conquistar a Câmara de Barcelos, que havia perdido em 2009 e o presidente eleito, Mário Constantino (coligação PSD/CDS, com apoio do movimento independente Barcelos, Terra de Futuro), afirmou hoje que uma das suas prioridades é “resolver o problema da concessão da água”.

Em declarações, Mário Constantino acrescentou que o fecho da circular urbana, a cobertura do concelho com redes de água e saneamento, a recuperação da rede viária, a “pressão” para a construção de um novo hospital e o encerramento das passagens de nível são outras das prioridades.

“Apostamos na criação de parcerias para colocar o concelho de Barcelos na primeira linha do desenvolvimento”, referiu.

Mário Constantino sublinhou a aposta feita para estas eleições, juntando dois partidos e um movimento independente que “souberam identificar os problemas do concelho e apresentar propostas concretas e credíveis para os resolver”.

“Temos as melhores propostas”, acentuou.

A Câmara de Barcelos foi presidida, nos últimos 12 anos, pelo socialista Miguel Costa Gomes, que agora não se pôde recandidatar, devido à lei de limitação de mandatos.

A candidatura do PS foi encabeçada por Horácio Barra, que a Lusa tentou ouvir, mas sem sucesso.

Nas eleições de domingo, a coligação PSD/CDS conseguiu 33.753 votos, a que equivalem seis mandatos, tendo o PS obtido 27.633 e cinco mandatos.

O movimento independente Todos Barcelos ficou em terceiro, com 3.323 votos e o Chega em quarto com 2.780.

Seguiram-se o Bloco de Esquerda (1.688), a CDU (1.243) e o Movimento Alternativa Socialista (511).


Também pode gostar