Acusada de esfaquear marido nas Marinhas diz que «foi acidente»

AvatarRedação , 13 de setembro, 2020

CTV colombiana

Está acusa de esfaquear o marido nas costas. Elena Henão, colombiana com 35 anos e a residir em Marinhas, concelho de Esposende, diz que o ofendido terá caído acidentalmente sobre uma faca, contou uma fonte ligada ao processo.

Os factos remontam à madrugada de 11 de abril de 2018 (ver aqui), no interior da residência do casal e terão tido origem numa desavença conjugal.

A mulher confirmou à Instância Central Criminal da Comarca de Braga que os dois se envolveram numa discussão após um jantar em que terão exagerado na bebida.

A versão da arguida, descrita pela fonte, foi a de que, já na habitação do casal, ela pegou numa faca para descascar uma maçã e que, num momento posterior, o homem terá caído sobre essa mesma faca, em circunstâncias que não soube reconstituir com precisão.

Disse mesmo que amava o marido e asseverou que foi a primeira a chamar os serviços de emergência.

Já o ofendido, um português de 40 anos, afirmou ter sido agredido com a faca pela mulher, secundando assim a tese do Ministério Público (MP), que acusa a arguida de homicídio qualificado, na forma tentada.

O julgamento prossegue no dia 23, esperando-se testemunhos, entre outros, de agentes da Polícia Judiciária e de uma jovem, filha do ofendido mas não da arguida, que reclama ter sido ela a chamar os serviços de emergência.

 


Também pode gostar