Edil de Esposende diz que «nunca aprovaria» obras que contrariassem o PDM

AvatarRedação , 14 de dezembro, 2020

BP infetado 1 v2

O presidente da Câmara de Esposende, Benjamim Pereira, afirmou que «nunca aprovaria uma obra» que contrariasse o Plano Diretor Municipal (PDM), recusando assim as acusações do Bloco de Esquerda de que a autarquia «viola reiteradamente» o projeto de salvaguarda da costa.

Em declarações, Benjamim Pereira afirma que o seu executivo «nunca autorizou» nenhuma construção que violasse aquele PDM, que «sempre cumpriu» e que inclui a salvaguarda da zona litoral do concelho.

«É preciso não perceber nada do que são os instrumentos de gestão autárquica para achar que um executivo ia autorizar que fosse feita uma construção em área protegida ou na qual o PDM não previsse essa situação», frisa o edil.

Benjamim Pereira diz mesmo que «os deputados em causa estão a prestar um péssimo serviço às populações porque estão a induzir em erro e a pôr em causa décadas de trabalho autarquia de proteção de toda a zona litoral de Esposende».

[Notícia completa na edição impressa do Farol de Esposende]


Também pode gostar