Viana: Homem morre esmagado por sistema de viatura do lixo

AvatarRedação  . 

Captura de ecra 2021 03 09 as 01.27.34

O líder da concelhia do PSD de Barcelos demitiu-se hoje depois de não ter visto o seu nome escolhido como candidato às autárquicas. Bruno Torres confirmou a demissão, mas não fala sobre o assunto, e coloca à mostra as desavenças que corriam entre os sociais-democratas com Domingos Araújo e Mário Constantino a desejarem também serem candidatos às autárquicas.

 Bruno Torres tinha sido eleito a 18 de julho do ano passado como líder da concelhia, mas era notório o afastamento entre líder e vereadores do PSD.

As clivagens entro da concelhias são também notórias, com os presidentes de junta a preferirem Domingos Araújo como candidato às autárquicas, mas uma sondagem - onde aparece também o nome do atual presidente do Gil Vicente FC - dá como nome em melhores condições Mário Constantino, apesar de uma curta vantagem para Bruno Torres. Dentro da votação da concelhia era Bruno Torres o preferido.

Este "mix" de vontades acabou por resultar na demissão do líder da concelhia depois de chumbado como nome para encabeçar as autárquicas.


Também pode gostar