×
IMG-20201226-WA0001.jpg

Plano de vacinação origina comunicado conjunto entre Barcelos, Esposende e ACES

DRE_728x90.jpg

Redação - 19 de outubro, 2020

Os municípios de Barcelos e Esposende, juntamente com o ACES Cávado III, avançaram hoje com um comunicado conjunto onde é feito um apelo ao cumprimento das regras da DGS face ao plano de vacinação contra a gripe do Sistema Nacional de Saúde que hoje começou para pessoas com 65 ou mais anos ou com doenças crónicas.

«Neste sentido, todas as Unidades de Saúde da ACES Cávado III Barcelos Esposende têm traçado o seu plano para a vacinação, de acordo com as equipas, com as características físicas de cada Unidade e população a vacinar», refere o comunicado. Desta forma as autarquias e ACES Cávado III apelam aos utentes «para o cumprimento das orientações para a segurança, bem como para a sua compreensão relativamente a todo o processo, nomeadamente ao tempo necessário para que seja cumprido o plano da vacinação previsto para a gripe».

«No contexto da situação do estado de calamidade, o ACES Cávado III Barcelos / Esposende, com os excelentes profissionais que possui, alinhado estrategicamente com a ARS Norte, cumprindo as orientações da DGS, e em cooperação com a comunidade, está a dar a resposta possível de acordo com a boa gestão, com a monitorização dos processos e com os recursos existentes», lê-se.

No entanto, e segundo a nota de imprensa, para que todo o esforço resulte, o ACES Cávado precisa do «empenhamento de
todos, especialmente dos utentes que tenham que recorrer às Unidades de Saúde».

Reitera-se, pois, o apelo para que o façam com o cumprimento das orientações dadas, quer pela DGS quer pela organização dos serviços do ACES. Por força do contexto pandémico devido à Covid-19, o período da vacinação contra a gripe, um processo simples no passado, agora exige a gestão com alguma complexidade para devido cumprimento das regras de segurança», vaticina o comunicado.

«Só unidos e estrategicamente alinhados poderemos vencer», concluí o comunicado.

Este ano Portugal terá 2,5 milhões de vacinas da gripe disponíveis para a população: 2 milhões através do SNS e destinada aos grupos considerados prioritários pela Direção-Geral da Saúde (DGS) e mais 500 mil à venda nas farmácias para a restante população. As 150 mil vacinas que as farmácias poderão administrar - no caso do Minho só em Fafe, Guimarães e Monção - às pessoas com 65 ou mais anos fazem parte do stock dos 2 milhões do SNS. Recorde-se que Portugal antecipou este ano a campanha de vacinação contra a gripe.

  • PARTILHAR